Sobre o Law

Obrigado por sua visita!

Além de locutor comercial (associado ao Clube da Voz), também sou publicitário, graduado pela FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), Mestre e Doutor em Comunicação e Semiótica pela PUC – SP, com pesquisa em produção de áudio para ambientes interativos, e professor nos cursos de Tecnologia e Mídias Digitais e de Jogos Digitais da PUC – SP e de Rádio, TV e Internet e Publicidade e Propaganda na Fapcom, Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação.

Entre 1983 e 1996 trabalhei como locutor e produtor em algumas das principais emissoras de rádio e TV de São Paulo: Antena 1, 97 FM, Excelsior AM (atual CBN), Gazeta FM, Nova FM Record, Band FM, TV Bandeirantes e Eldorado FM.

Entre 1998 e 2001 desenvolvi material didático e lecionei as disciplinas Planejamento de Multimídia e Produção de Áudio para Multimídia no curso Criação Digital da Escola de Criação da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing).

Entre 2010 e 2011 participei da formação em coaching ontológico da Appana Mind.

Atualmente, sou sócio da Núcleo de Criação Produções em Áudio e atuo como mestre de cerimônia em eventos corporativos e apresentador de vídeos.

Para ouvir algumas das minhas locuções em comerciais, vídeos e apresentações corporativas, treinamentos, promos e esperas telefônicas, acesse meu website ou a página Locução deste Blog.

Acesse também meus perfis online e meu currículo Lattes.

Twitter

Orkut


Facebook

14 respostas a Sobre o Law

  1. Boa tarde Lawrence, tudo bem?!

    Sou locutor e tenho estúdio próprio para captação da voz.
    Por favor acesse: http://sergiocavazzoni.wordpress.com
    para conhecer meu trabalho.
    Gostaria de saber o que é necessário para fazer parte do NUCLEO DE CRIAÇÃO.
    Agradeço pela atenção.
    Um abraço e boa semana!

    Sérgio Cavazzoni

  2. Fala Law, acessei teu site pesquisando sobre trilha para games que é uma coisa que gostaria muito de fazer pois sou, além de músico apaixonado pelo que faço, um viciado em video game!

    Achei muito legal o site o o post no forum do Gamecultura sobre as ferramentas para edição e criação de audio pra games. Vou baixar e começar a dar uma sacada.

    Agradeço pela oportunidade de conhecer as ferramentas.

    Quando puder conheça meu trabalho em:

    http://www.rafaelferrarimus.blogspot.com
    http://www.myspace.com/rafael.ferrari
    http://www.cameratabrasileira.mus.br

    Grande abraço e sucesso!
    Rafael Ferrari

  3. Amber disse:

    Olá Lawrence, tudo bem?

    Trabalho numa agência de publicidade e gostaria de te convidar para participar de uma ação esportiva que envolve esportista profissionais e amadores, além de alguns blogs.
    A ação será patrocinada por uma marca de isotônicos. Peço desculpas pela forma de abordagem, mas não consegui encontrar nenhum email seu. SE você tiver interesse ou qualquer dúvida, entre em contato comigo o mais breve possível.

    Obrigada!

  4. Oscar Negrão disse:

    Agora me certifiquei.
    Satisfação em reencontrá-lo.
    Faltou um vídeo do Yas, sua cara.

    Abraços Law

  5. Law disse:

    Grande Oscar! Quanto tempo, heim, amigo? Vou lhe escrever.

  6. Ana disse:

    Olá Law,
    encontrei você pesquisando sobre patins na web. Estou “aguada” por um patins e gostaria muito que você pudesse me ajudar com algumas dicas. Apesar de ter visto os modelos da Rollerblade femininos e me apaixonado, não posso no momento investir mais do que 350 num patins (quem sabe mais pra frente). Porém, vi nos seus comentários sobre “patins” que você fala bem da marca Traxart e aqui (http://www.lifestreetwear.com.br) encontrei alguns modelos que poderia encomendar. Neste caso tive que me ater não somente ao preço, como à numeração (baixa no meu caso, calço no Brasil 34) e fiquei na dúvida entre o Traxart, Everest, Faster e TXT Rolling Star, como não entendo nada de nada (pelo menos por enquanto) a impressão que tive é que são todos iguais e só muda a “roupagem”. Outra dúvida que tenho é em relação a numeração (moro em São Carlos e não poderei experimentar o patins) calço 34 no Brasil, meu pé mede 23 cm, aproximadamente, não sei se arrisco num patins 5 ou 6. O que você me diz?

    ps.: vi pelo seu currículo que vc. deve ser bem ocupado. Não quero incomodá-lo, ok? sei que minhas dúvidas são de “caráter menor”, fique a vontade em me ignorar! Mas… se puder me ajudar vou agradecer muitíssimo!

    Ana

  7. Law disse:

    Olá Ana,

    Embora os três modelos utilizem rolamentos ABEC 5, além do design e das cores, há uma diferença muito importante entre eles: o tamanho das rodas.

    No Faster, as rodas são de 76 mm.

    No Everest, as rodas são de 78 mm.

    Já no Rolling Star, as rodas são de 72 mm (mais recomendáveis para crianças).

    Quanto maior as rodas, maior é a velocidade que o patins pode atingir. Isso não significa necessariamente que você vai correr; significa apenas que fará menos esforço para deslizar mais. Dos três, sugiro o modelo com rodas de 78 mm, o Everest.

    Quanto a tamanhos, consulte a tabela da ConvertWord.com (clicando aqui).

    • patihk disse:

      Olá Law!

      tudo bem!? seu blog é muito bom!!!! Parabéns!

      preciso de uma ajudinha, estou indo para Europa (londres/amsterdan/paris) e gostaria de saber em qual dessas cidades é melhor para se comprar um patins (custo/benefício).
      ou vc acha que compensa comprar um aqui em SP mesmo, por conta de conversão IOF e tals?

      qual vc me indicaria? seria para só para andar na rua e parque msm…

      Obrigada,
      Patricia

      • Law disse:

        Oi patihk,

        Eu não sei em qual dessas cidades os patins são mais em conta. Mas, certamente comprar no exterior é mais barato do que no Brasil, onde os impostos são abusivos.

        Em Paris, a vantagem é poder comprar patins da Seba por preços menores do que em outras cidades, já que a marca é francesa.

  8. FFRollerSports disse:

    Ola Law. Tudo bem?
    Verifiquei que você também é apaixonado por patins.
    Deixa eu me apresentar primeiro:
    Meu nome é Fernanda, e estou criando uma nova Loja de Patins, toda na web, pois a idéia é expandir o Patins pelo Brasil. Acredito que tem um ótimo potencial e mal explorado.

    Estamos em processo de negociação com a RollerBlade e após essa etapa habilitaremos a loja novamente.

    No momento estamos trabalhando com Patins vindo diretamente da California e bancamos os impostos, pois percebi que muita gente quer andar de Patins, mas o preço está muito alto.

    Se quiser bater um papo, vi que algumas pessoas perguntaram sobre a Loja no seu blog.

    Meu email é: fernandafaria@rollersports.com.br

    Obrigada mais um vez! Espero que possamos manter contato.

    Abraços,
    Fernanda

  9. irian disse:

    Oi Law, precisando da tua ajuda…. Comprei um x-quad da traxard a duas semanas, conversei com o vendedor que gostaria de andar no asfalto e ele me falou que o modelo era perfeito…enfim…lendo o teu blog percebi que não é bem assim…acredito que não fiz uma péssima compra – graças – poderia ser muito pior, mas acho que a minha solução seria trocar as rodas. Bom ai entra outra questão…. entrei no site que tu indicou a outra menina o skates.com só que eu não sei qual a roda comprar, qual será compatível com o meu patins. Será que tu pode me ajudar, O meu patins então é o Traxart x- quad rodas 62 x 40 mm. O asfalto da minha cidade não e tão lisinho, sei que deveria ter escolhido um modelo inline mas sou apaixonada pelos tradicionais. Aguardo tua ajuda!!!!

  10. kiretura3 disse:

    Oi SoulMarino,Você tem razão. As rodas do meio se desgastam mais rápido. Sugiro que você faça o rodízio assim para as rodas do meio:

    1. Inverta a segunda roda do pé esquerdo com a terceira do pé direito.

    2. Inverta a terceira roda do pé esquerdo com a segunda do pé direito.

    Para as rodas das pontas:

    1. Inverta a primeira roda do pé esquerdo com a quarta do pé direito.

    2. Inverta a quarta roda do pé esquerdo com a primeira do pé direito.

    O Powerslide Phuzion2 é um excelente modelo desenvolvido para fitness. Não é o mais adequado para slalom. Sua base é longa e as rodas tem 90 mm. Para slalom, sugiro modelos da própria Powerslide com base menor e rodas de 80 mm. Ou rockedas (80 mm no centro e 76 mm nas pontas). Algumas sugestões: Cell, Metro e S4.

Deixe uma resposta